Reprodução/ Facebook/ Erika Kuasne

Brasil

Pai grava vídeo de despedida do filho antes de matá-lo

Marco Antônio gravou diversos áudios ameaçadores antes de provocar um acidente que vitimou o menino de nove anos

por Victor Gouveia | seg, 16/09/2019 - 11:34

Uma criança, de nove anos, foi morta pelo próprio pai, que também faleceu ao jogar o veículo onde estavam contra uma carreta, na PR-445, na Zona Sul de Londrina, no Paraná. O menino ainda foi obrigado a gravar um vídeo despedindo-se da mãe, nesse sábado (14). O suspeito não se conformava com o fim da relação com a ex-companheira.

Separados há três anos, Erika Patrícia Kuasne afirma que Marco Antônio Alves, de 45 anos, era agressivo e planejou a morte do filho por vingança. O suspeito mandou diversos áudios ameaçadores. "Minha decisão foi tomada, não volto atrás. Ia ser você, mas aqui vai doer mais pra ti", diz em um dos áudios.

Ele continuou, "farei isso para você sentir falta pro resto da sua vida". Em outro áudio, Marco questiona, “então você pensou que ia ficar assim? Que eu ia aceitar numa boa? Que eu ia ser o idiota da história né?”.

A última mensagem mostra a crueldade e a intenção de Marco Antônio. Em um ato desumano, ele obriga o pequeno Matheus Gabriel Kuasne a se despedir da mãe. "Só vou te falar uma coisa, você quer ouvir pela última vez a vozinha ou não?", diz. Com voz de choro, a criança dá adeus.

Diante das ameaças, Erika recorreu às autoridades, porém, foi comunicada do acidente pouco tempo depois. O veículo ficou destruído. Matheus ainda foi localizado com vida, preso às ferragens, mas morreu antes da chegada do socorro.


PUBLICIDADE